Folha liberal. A verdade nua e crua doa a quem doer.

segunda-feira, 30 de abril de 2018

A PM está para defender o povo mas, não pode ver a jornalista que cobriu a madeira. Por que será?

Uma jornalista, Elaine da Silva, 34 anos, que veio de São Paulo, para curtir o show da cantora Ivete Sangalo, neste domingo (29), afirmou ter sido agredida por um policial militar (PM) durante a festa. Segundo a denunciante, a agressão ocorreu quando o trio estava próximo ao Morro do Cristo.
Ainda de acordo com a jornalista, ela estava com os amigos ao lado do trio quando sentiu os golpes nas costas e pernas. ‘’Eu pedia para parar e coloquei a mão para não atingir meu rosto’’, contou a mulher que também ficou com hematomas nos braços.
Sem entender o por que de ter sido agredida, Elaine relatou que é fã de Ivete há muitos anos e sempre acompanha a cantora pelo Brasil, por causa disso teria vindo para Salvador, acompanhada de seis amigos, apenas para prestigiar o retorno da artista aos palcos. ‘’Não encostei no policial em nenhum momento. Eu não vim pra confusão, não sou disso’’.
A mulher afirmou que durante o ocorrido não conseguiu anotar o número de identificação do PM, pois, segundo ela, estava muito cheio e logo o perdeu de vista. Entretanto, Elaine ressaltou que pretende registrar queixa.
Em nota, o Departamento de Comunicação Social da Polícia Militar da Bahia afirmou que orienta a vítima a registrar o fato na Corregedoria da Polícia Militar, localizada na Rua Amazonas, nº 13, Pituba., “a fim de formalizar o registro de queixa para que seja realizada a devida apuração’’.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Se você quer comentar acesse nosso perfil Yahudin Natan Folha no Facebook e faça o seu comentário.